previous arrow
next arrow
Shadow
Slider
Rildo Amaral, Antonio Pereira, Pr Cavalcante, Marco Aurélio e mais 24 deputados votaram a favor da Reforma da Previdência do comunista Dino

Rildo Amaral, Antonio Pereira, Pr Cavalcante, Marco Aurélio e mais 24 deputados votaram a favor da Reforma da Previdência do comunista Dino

previous arrow
next arrow
Slider

Medida aumenta alíquotas de contribuição dos servidores, patronal e dos aposentados

A Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, nesta quarta-feira 20, por maioria esmagadora, projeto enviado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) à Casa que aplica a reforma da Previdência no âmbito estadual, aumentando as alíquotas de contribuição dos servidores, da patronal e dos aposentados.

Sem qualquer discussão com o Parlamento, a sociedade ou entidades representativas dos servidores públicos, a proposta foi votada de forma relâmpago, apenas 24 horas após os deputados tomarem conhecimento da mensagem governista. Com a aprovação, na íntegra, o texto segue para a sanção do próprio Dino, prevista para ocorrer ainda hoje.

De acordo com o placar da votação, foram 28 votos favoráveis e apenas 2 contrários, sendo estes últimos do líder da oposição Adriano Sarney (PV) e do deputado Zé Inácio (PT), que é governista mas manteve a coerência já que sempre criticou a reforma da Previdência do presidente Jair Bolsonaro (PSL), aprovada pelo Congresso no mês passado. Os oposicionistas Wellington do Curso (PSDB) e César Pires (PV), que também votariam contra, não puderam participar da sessão devido à agenda na Unale (União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais) que já estava agendada.

Deputados Cleide Coutinho, Mical Damasceno e Ricardo Rios

Também estiveram ausentes ou se abstiveram: Daniella Tema (DEM), Duarte Júnior (PCdoB), Edivaldo Holanda (PTC), Rigo Teles (PV), Zé Gentil (PRB) e toda a bancada do PL —formada por Detinha, Leonardo Sá, Hélio Soares e Vinícius Louro.

Por ser presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Othelino Neto (PCdoB) apenas conduziu os trabalhos. Ele vota apenas em caso de necessidade de desempate.

Abaixo, com base na lista de presentes na sessão, confira a relação dos deputados estaduais que votaram a favor a reforma relâmpago da Previdência de Flávio Dino. Embora alguns sejam de partidos ideologicamente de oposição ao comunista, na Alema, todos atuam como aliados do Palácio dos Leões.

1. Adelmo Soares (PCdoB);
2. Andrea Rezende (DEM);
3. Antônio Pereira (DEM);
4. Ariston (Avante);
5. Arnaldo Melo (MDB);
6. Carlinhos Florêncio (PCdoB);
7. Ciro Neto (PP);
8. Yglésio Moyses (PDT);
9. Cleide Coutinho (PDT);
10. Helena Duailibe (SD);
11. Thaiza Hortegal (PP);
12. Edson Araújo (PSB);
13. Fábio Macedo (PDT);
14. Felipe dos Pneus (PRTB);
15. Fernando Pessoa (SD);
16. Glalbert Cutrim (PDT);
17. Mical Damasceno (PTB);
18. Neto Evangelista (DEM);
19. Pará Figueiredo (PSL);
20. Pastor Cavalcante (PROS);
21. Paulo Neto (DEM);
22. Marco Aurélio (PCdoB);
23. Rafael Leitoa (PDT);
24. Ricardo Rios (PDT);
25. Rildo Amaral (SD);
26. Roberto Costa (MDB);
27. Wendel Lages (PMN);
28. Zito Rolim (PDT).

Fonte: Atual7