Homicida e traficante foragido da Justiça do Mato Grosso é preso em São Francisco do Brejão

Homicida e traficante foragido da Justiça do Mato Grosso é preso em São Francisco do Brejão

previous arrow
next arrow
Slider

O homicida e traficante Roberto dos Santos Lima, de 37 anos, conhecido como “Robertinho”,natural de Imperatriz, foi preso, nessa segunda-feira (09), em São Francisco do Brejão, a 603 km de São Luís, por policiais da 9ª Delegacia Regional de Açailândia, com apoio do 1º Distrito Policial, em cumprimento Mandado de Prisão Preventiva expedido pela 12ª Vara Criminal de Cuiabá/MT.

Roberto Lima responde pela prática de crime de homicídio qualificado (art. 121, § 2º, I e IV,CP) por ter assassinado a tiros, no dia 06 de agosto de 2009, Tiago Ferreira de Andrade, na Rua 04, no bairro Pedra 90, em Cuiabá.

Dois meses antes de ser assassinado, Tiago Andrade invadiu o “Bar do Cobrão”, no bairro Pedra 90, para matar Roberto Lima, que conseguiu escapar, deixando para trás o amigo Saulo Rosa da Silva, que terminou sendo morto.

Em fevereiro de 2009, “Robertinho” já havia tentado matar Tiago Andrade. Ambos brigavam pelo controle do tráfico de drogas na área e esse era o motivo da rixa.

Roberto Lima estava foragido desde dezembro de 2010, data em que foi decretada a sua prisão preventiva.

No dia 29 de novembro deste ano, a justiça do Mato Grosso recebeu informações de que o assassino poderia está residindo na Av. da BR, no bairro Trecho Seco, em Açailândia, ou na Avenida Presidente Médice, em Timon.

No momento da prisão, “Robertinho” estava portando uma pistola calibre 380, municiada com seis munições intactas. Ele foi encaminhado para a Delegacia Regional de Açailândia para a lavratura de Auto de Prisão em Flagrante por porte ilegal de arma de fogo e para realização da comunicação do cumprimento do mandado de prisão preventiva em aberto.

Em seguida, o criminoso foi encaminhado para a Unidade Prisional de Açailândia, ficando a disposição da justiça. Ele deverá ser recambiado para Cuiabá nos próximos dias.

Homem ficou preso no lugar de “Robertinho” por quase dois anos

Um homem identificado como Claudiney Santos Lima foi preso no lugar do verdadeiro assassino de Tiago Andrade. Ele ficou preso por um ano e sete meses no lugar de Roberto dos Santos Lima.

A prisão de Claudiney ocorreu em Cáceres, no dia 22 de abril de 2018. Posteriormente, em 12 de julho de 2019 houve o recambiamento do acusado para a Penitenciária Central do Estado.

Entretanto, em audiência de instrução e julgamento,o preso afirmou não ser Roberto dos Santos Lima, e sim Claudinei dos Santos Lima.

Diante da dúvida, o Juízo da Décima Segunda Vara Criminal de Cuiabá suspendeu a audiência e a redesignou, determinando diligências para averiguar as informações. Foi realizada perícia técnica consistente em exame de confronto de impressões papilares.

O exame demonstrou que as digitais da pessoa presa não combinam com as digitais de Roberto, e sim as de Claudiney.

No último dia 03, a Justiça determinou que Claudiney fosse colocado em liberdade.

O Imparcial